Plutão como nunca visto!

terça-feira, 29 de setembro de 2015 · Temas: ,

A sonda espacial New Horizons obteve um imagem de alta resolução de Plutão aquando da sua abordagem no passado mês de julho, contituindo-se na melhor imagem alguma vez obtida sobre aquele planeta anão.

Plutão

Entre outros pormenores, a imagem contempla o planalto de Sputnik, múltiplas crateras, e uma vasta paleta de cores desmaiadas, específicas das várias formas de relevo da sua superfície, num quadro de admirável complexidade geológica e climatológica, ainda muito mal conhecido mas intrigante.


Fonte: http://www.abc.net.au

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

A lua das colheitas.

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 · Temas: ,

O nosso satélite natural envaideceu-se com os elogios à beleza com que nos surgiu na madrugada da passada segunda-feira. Vestida de lua cheia, esteve muito perto do seu ponto mais próximo da Terra (perigeu lunar), na órbita elíptica que desenvolve mensalmente em torno do nosso planeta, e transformou-se numa superlua ou, como é denominada no hemisfério norte, a lua das colheitas.

epa-epaselect-germany-lunar-eclipse

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Já é outono!

· Temas:

O outono surgiu frio, quente e morno, tal como deve ser. Chegou sorrateiramente pelas 9.20H da manhã, o instante em que a duração dos dias e das noites se equivale por todo o planeta, obra de uma força incomensurável, endeusada no passado, estudada no presente.

SBGranitoPorto-019

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Extreme Enduro regressa este sábado à Ribeira.

sábado, 19 de setembro de 2015 · Temas:

Para quem gostar do estilo e não se incomodar com a localização, fica aqui a informação: «Pelo segundo ano consecutivo, a Ribeira do Porto vai ser o palco de abertura da etapa portuguesa pontuável para o Campeonato do Mundo de Extreme Enduro, uma das mais duras e desafiantes disciplinas do motociclismo mundial.

 

Após o enorme sucesso que constituiu em 2014 a estreia deste evento numa das zonas mais emblemáticas da cidade, o Porto Extreme XL está de regresso este sábado, 19 de setembro, para colocar à prova a rapidez e a habilidade dos melhores especialistas mundiais desta categoria ao longo de um percurso repleto de obstáculos naturais e artificiais».


Fonte: porto.pt

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Trópicos.

quinta-feira, 17 de setembro de 2015 · Temas: , ,

Os trópicos de câncer e de capricórnio são duas linhas imaginárias, dois paralelos, situadas a 23º 27´ norte e sul, respetivamente. Expressam o valor máximo da inclinação do eixo terrestre face ao plano da elíptica, e correspondem respetivamente ao solstício de junho e dezembro.

 

A região situada entre os dois trópicos é designada por zona intertropical (vulgarmente referida por trópicos) e apresenta um clima quente e húmido ou quente e seco. Em função do clima predominante, encontramos nestas regiões dois biomas: as florestas tropicais (quentes e chuvosas) e as savanas  (áridas e quentes), ambos de enorme riqueza animal e vegetal.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Ryanair a recrutar.

quarta-feira, 16 de setembro de 2015 · Temas: , ,

E depois não digam que não vale a pena estudar… «A Ryanair está à procura de novos comissários e assistentes de bordo em Portugal e, para isso, vai promover três “open days”: no Porto, a 29 de Setembro; em Lisboa, no dia seguinte; e em Ponta Delgada, a 2 de Outubro.Alunos do 10ºG . Curso Profissional de Turismo Ambiental e Rural da AEL 2015

Os interessados deverão formalizar a sua candidatura online, no site da Crewlink ou da Dalmac, onde é pedido para que façam o envio do seu currículo em inglês depois de passarem por um pequeno teste de qualificação básica: “Tem entre 1,57 e 1,88 de altura?”; “É uma pessoa com uma personalidade simpática e afável?”; “Possui passaporte da UE?”.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Uns impressionantes 108,5 milímetros de chuva!

· Temas: ,

Ontem a Estação Meteorológica da Escola Secundária da Lixa registou o maior valor de precipitação diário desde que entrou em funcionamento: 108,5 milímetros por metro quadrado. Este valor acumulou-se a partir da 7.30h da manhã, quando começou a chover ininterruptamente, tendo-se inclusivamente registado ritmos de precipitação na ordem dos 14,7 milímetros por hora. A chuva parou apenas na madrugada do dia seguinte, mas por breves minutos.

1

Todo este fenómeno deveu-se aos resquícios dos ex-ciclone tropical Henri, que provocou uma depressão extremamente cavada, e que por volta das 23 horas de ontem ainda se encontrava centrada no Golfo da Biscaia, afetando consideravelmente o noroeste peninsular.  

2015-09-16 at 00-02-53

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Gaivotas em terra.

segunda-feira, 14 de setembro de 2015 · Temas: ,

Uma depressão com origem no ex-ciclone tropical Henri, centrada no início do dia de hoje, 14 de setembro 2015, a norte dos Açores, irá aproximar-se da Corunha na madrugada do dia 15, dirigindo-se para o Golfo da Biscaia durante a tarde. Neste trajeto irá verificar-se uma descida acentuada dos valores da pressão, atingindo o valor mais baixo, inferior a 980 hPa, no Golfo da Biscaia no início da tarde do dia 15.

ezgif.com-crop

Os efeitos desta depressão no território do Continente irão prolongar-se até ao final do dia 16 (quarta-feira), originando precipitação forte e vento intenso as regiões a norte do Mondego. As maiores quantidades de precipitação irão ocorrer no Minho, Douro Litoral e Beira Litoral, na tarde de 15 e noite de 16, onde poderão ultrapassar 100mm em 24 horas


Fonte: IPMA, em 14 de setembro de 2015

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Galochas, manuais e caderno diário.

· Temas: ,

E de repente, eis que surge a derradeira semana de férias, aquela te faz consultar, com esforço e olhar semicerrado, quais os manuais adotados para a “carrada” de disciplinas que vais voltar a ter neste ano e cujo nome até já deves ter esquecido. Sim, estamos precisamente naquela altura em que normalmente berras por uns lápis, aguças, borrachas, sebentas e mochilas da moda, para te sentires confiante e te convenceres a estudar ao longo do ano letivo…Pampili-Galocha-Infantil-Lulu-OnC3A7a-Pampili-8483-31516-1-newcatalog

Mas é melhor que te apresses! Desencanta as galochas emprateleiradas, pois a semana está virada à chuva, desenrasca o material necessário, “saca” o nome dos manuais no sítio de Internet da escola, procura saber o nome do teu DT e,  na até sexta-feira, comparece pela escola, se ainda souberes o caminho, pois há bolas de Berlim para todos! Bom ano letivo!

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

A seca na Califórnia.

sábado, 12 de setembro de 2015 · Temas: , ,

Há cerca de um mês, e na reta final do seu mandato, o Presidente Obama anunciou um plano de redução de emissões de carbono das centrais termoelétricas em 32% até 2030, face aos níveis de 2005. Esta medida surge integrada no «Plano Energia Limpa» que o atual executivo norte-americano criou há um ano, como resposta «[às] alterações climáticas  [que] não são um problema para outra geração. Já não são».

Surge esta intenção de ideias num ano cuja seca que grassa o estado mais populoso dos EUA, a Califórnia, com cerca de 37 milhões de habitantes e uma área três vezes superior à de Portugal Continental, atingiu proporções verdadeiramente dramáticas, mesmo no contexto do mais poderoso país do mundo.  

Oroville-drought-header

Geograficamente situada na costa ocidental dos EUA, a Califórnia é um território de clima mediterrâneo, encravada entre o Pacífico, a oeste, e as Montanhas Rochosas, a este. É um território de paisagem rica e clima ameno, culturalmente abrangente, onde prosperam a vinha, os citrinos e as placas de silício.

pc-140820-california-drought-02_df9e66504eb531798626153aae549f70.nbcnews-ux-2880-1000

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

O Porto em D´Bandada.

sexta-feira, 11 de setembro de 2015 · Temas: ,

«É já amanhã para aquele que promete ser o maior evento de sempre de música de rua da cidade do Porto. O NOS em D´Bandada conta com 78 concertos com entrada livre, distribuídos por 21 palcos situados em diversos pontos pela baixa, num total de 14 horas de música.

Esta será a 5ª edição deste evento e, tal como nos anos anteriores, manterá o seu caráter de festa popular, transversal e participativa. Este ano, foram introduzidas algumas novidades a este grande festival de música de rua, que passam por estender a música a mais espaços, incluindo, pela primeira vez, o Coliseu do Porto, a Avenida dos Aliados, o Largo da Estação e a Igreja de Santo Ildefonso, na Praça da Batalha.

Este evento é já considerado como um dos acontecimentos mais atrativos do mês de setembro no Porto, juntando-se a iniciativas de grande envergadura como a Feira do Livro do Porto. Este ano, o objetivo é superar os números de 2014, em que foram registadas cerca de 250 mil pessoas neste festival de música de rua. Por isso, não é de estranhar que esta iniciativa seja já apelidada de "São João da Música"».

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Mapa das descobertas fósseis mundiais.

segunda-feira, 7 de setembro de 2015 · Temas: ,

Útil a várias disciplinas, ao saber e à curiosidade, o PBDB Navigator é um mapa interativo que permite explorar as descobertas fósseis por local, período de tempo e taxonomia. Cada ponto sinalizado no mapa representa uma coleção de fósseis. Se clicarmos num desses pontos, obtemos uma série de informações tais como: o número de ocorrências, o tempo geológico da sua ocorrência, a localização, entre outras.

Descobertas fósseis

Trata-se de um excelente trabalho de uma equipa do Departamento de Geociências da Universidade de Wisconsin-Madison.


Fontes: Googlemapsmania // PBDB Navigator.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Cuidado com as cobras!

· Temas: , ,

Há cobras em quase em todos os cantos do mundo menos a geladíssima Antártida. Parece não se dão lá muito bem com o frio, constipam-se com frequência, fartam-se de espirrar e, por tal, dificilmente conseguem caçar despercebidas. A ajudar, as escamas que constituem a sua pele não são propriamente uma “vestimenta” quente; de facto, a cobra pertence à classe animal dos répteis e não possui temperatura corporal constante, arre! Por isso é que não se vê muita grande “lagartada” no Polo Sul, onde o Sol chega a não se levantar do horizonte. Mas com as cobras… nunca fiando. Cuidadinho!   

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Ano de El Niño.

sábado, 5 de setembro de 2015 · Temas: , ,

Especialistas e climatólogos 1 apontam que este seja um ano climatologicamente marcado por um El Niño. Trata-se de um fenómeno que ocorre no Pacífico, à latitude equatorial, quando o vento (alísios) toma a direção este-oeste arrastando água oceânica superficial, e portanto mais aquecida, da região do Pacífico Ocidental. Esta situação atenua o normal afloramento (upweelling) de águas mais profundas e frias do oceano, inverte a normal distribuição barométrica, e permite a formação de campos depressionários nas costas ocidentais da América do Sul, com bastante chuva, e secas nas regiões costeiras orientais da Austrália.

 

Segundo dados pelo Instituto Geofísico do Peru, o Oceano Pacífico parece este ano apresentar condições de temperatura para se verificar este fenómeno, sem que no entanto se consiga determinar o grau da sua intensidade 2. Os anos cujo fenómeno ocorreu com mais violência foram em 1982-83 e 1997-98, quando a Cidade de Piura, situada na costa norte e desértica do Peru, observou quantitativos de pluviosidade equivalentes à soma de 40 anos hidrológicos 3.

Acrescente-se que este fenómeno sistémico altera globalmente o comportamento e o movimento / posicionamento das massas de ar (húmidas ou secas, frias ou quentes), criando situações anormais no clima mundial: «o inverno é mais quente que a média nos estados centrais dos Estados Unidos, enquanto que nos do sul há mais chuva; por outro lado, os estados do noroeste do Pacífico (Oregon, Washington, Colúmbia Britânica) têm um inverno mais seco. Os verões excepcionalmente quentes na Europa e as secas em África parecem estar igualmente relacionadas com o aparecimento do El Niño» (Wikipédia). 


Fontes:

1 «One forecaster’s view on extreme El Niño in the eastern Pacific», Ken Takahashi (https://www.climate.gov/)

2 «Strong and moderate nonlinear El Niño regimes», Ken Takahashi, Boris Dewitte.

3 «El Fenomeno El Niño 1997-1998 Memoria, Retos Y Soluciones», CAF, 2000.

«El Niño», Wikipédia.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This