Regressaram os Geos!

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 · Temas:

Regressaram os Geos e mais uma vez, és tu que os vais pôr a falar! Mas quem são os Geos? Bom, os Geos são estados de espírito que se adaptam a qualquer tema geográfico, que tenha lugar em Portugal, na Austrália ou até no Togo e, seja qual for o assunto, há Geos para tudo! É vê-los: há resmungões, faladores, autoritários, muito espertos, pouco espertos, estranhos, psicóticos, desportistas, inocentes, refilões, carrancudos, enfim…

Ora, o que se pretende é que realizes uma história de teor geográfico com um conjunto de Geos, ou apenas um se assim entenderes, que terás de selecionar previamente neste ficheiro em anexo. Para isso terás de primariamente “passar revista às tropas” e olhar muito autoritariamente para cada um deles, mirá-los bem, e convocá-los para a tua história.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Mas porquê?

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Que vivemos num mundo insano, todos já o sabemos, até porque para ele contribuímos comentando o facto diariamente no nosso local de trabalho, na escola ou até em casa, onde barafustamos sobre toda a espécie de assuntos, dos mais frugais, como os atrasos de balneário, aos grandes temas económicos da atualidade, como a famosa crise que nos assola há anos. Pelo meio, e talvez forçosamente, esquecemos o mundo aqui bem próximo onde os nossos problemas relativizados, quase que perdem o sentido.

Mafalda Mundo Enfermo

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Votar no Porto ou na Madeira.

domingo, 26 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Está a decorrer o concurso European Best Destination, no qual o Porto e a ilha da Madeira concorrem a par de vários outros destinos turísticos europeus, como Madrid, Barcelona, Londres, Milão, Estocolmo, etc. Trata-se de um concurso de votação online, promovido pela European Consumers Choice (ECC), uma organização não governamental e, deste modo, independente, com sede em Bruxelas.

EBD

Na edição de 2012, o Porto foi eleito como o melhor destino de europeu. Na edição do ano passado, Lisboa ficou na segunda posição, a poucos votos de Istambul, a cidade vencedora. Neste ano concorrem duas regiões nacionais, o que fará, com certeza, repartir alguns votos. Contudo, e apesar do nosso voto recair no Porto (só se pode votar uma vez), a belíssima Madeira também mereceria um voto.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

A terra marca.

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Economistas da Universidade de Harvard e Berkley nos EUA, publicaram um interessante estudo sobre estudo sobre a ascensão social de um indivíduo no território norte-americano. Depois de milhões de registos anónimos (realizados entre 2011 e 2012), concluíram que a ascensão social depende não somente da classe socioeconómica da família onde nascem, mas também do local onde vivem. Por outras palavras, a tão propagada «terra das oportunidades» não se estende a toda a geografia norte-americana, confinando-se aos estados mais centrais do país (Dakota, Nebraska ou o Texas), em contraponto com o sudeste do país, em cidades como Atlanta ou Miami, onde há menos de 50% de hipóteses de progredir socialmente.

Mapa da Ascensão Social nos EUA

Em suma, a possibilidade de uma criança ascender socialmente depende bastante da área de vivência e não tanto da família onde se insere. Deste modo, não se pode falar de um país de oportunidades, mas sim um país com oportunidades regionais.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Dois anos de temperatura e precipitação.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Após dois anos de registo dos valores de temperatura, precipitação, humidade relativa, pressão atmosférica, do vento e da sua direção, resolvemos representar graficamente dois destes elementos. O resultado assemelha-se a um gráfico termopluviométrico, mas é na verdade bastante diferente, visto apenas possuirmos dois anos de registos de dados climatológicos, ainda assim com algumas falhas, que necessitariam de uma cuidada análise e tratamento diário.

jkikii

Mais, um gráfico termopluviométrico deverá utilizar sempre  valores médios com uma maturidade mínima de 30 anos e, graficamente, o valor da precipitação deverá corresponder ao dobro da precipitação. 

frf

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

História da tourada na Cidade do Porto.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Nas incursões pela blogosfera dedicada ao Porto, encontramos um interessante artigo sobre a realização de touradas na cidade ao longo dos tempos. Muita embora o sítio da sua publicação (basta.pt) se assuma frontalmente contra a realização tauromáquica, o artigo, da autoria de Sérgio Caetano, baseia-se em factos passados e documentados na imprensa de finais do século XIX. Assim, pelo interesse histórico e sociológico da atitude de repúdio portuense perante tal espetáculo, passa-se a reproduzir na íntegra o artigo.

«À semelhança de qualquer outra localidade da lezíria do Tejo, a cidade do Porto foi igualmente palco de inúmeros festejos tauromáquicos durante a idade média, que decorreram com grande fervor nas ruas e praças da invicta até ao século XIX, mas que acabaram por desaparecer com o fim da monarquia pelo desinteresse e repúdio da população portuense em relação ao maltrato injustificado e cruel dos animais.

Público do Real Coliseu Portuense

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Regresso ao passado.

domingo, 19 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Andamos em arrumações e reformulações e, ao abrir uma das gavetas, descobrimos uma série de vídeos e reportagens já esquecidas, às quais limpamos o pó, e pusemos na prateleira do ZapCanal. Datam de 2002 a 2009, quando muitos dos visados ainda davam os primeiros passos na ESL. Como devem calcular, não foi nada fácil arrumar tudo isto, e há muito que esperávamos por um certo tempo livre (…) para o fazer, foi desta.

Clique

Em sete anos de vídeos e imagens há de tudo! Temos, por exemplo, um divertido Telerural em direto do extinto palco do Polivalente da ESL (fotos),  uma interessante reportagem sobre uma Sala dos Horrores criada no Halloween de 2008, ou até mesmo um Ecodesfile, realizado numa improvisada passerelle, pleno de criatividade (fotos).

Iniciativas para os mais pequenitos também as há. Temos, por exemplo, o famoso o campeão de bilheteira: Os Azares de Anacleto, e alguns acrescentos; um fantástico lançamento de balões que nos levou a França…, plantações nos jardins da ESL, a propósito do Dia da Árvore; as famosas Feiras de S. Martinho (vídeos 1,2) que infelizmente já não se realizam, e os extintos desfiles de carnaval que envolviam quase toda a escola numa azáfama muito particular (vídeos 1,2).

A escola sempre fervilhou de iniciativas culturais e artísticas. Em 2008, por exemplo, tivemos a o Let´s form a School Band? (vídeos 1,2,3,4 e fotos), uma iniciativa que apurou, por etapas, os elementos de uma banda escolar muito promissora. Inclusivamente, alguns desses elementos aturam em diversas atividades do quotidiano da escola, como a tomada de posse do Diretor, e onde se destaca a arrebatadora atuação da Tatiana, que levou ao rubro o todo um polivalente!

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Olhares de Gato.

sábado, 18 de janeiro de 2014 · Temas: ,

Passado quase um mês sobre o Sábado Diferente Gatalício, eis que surgem os primeiros olhares de Gato, materializados em fotografias. O exercício, que apelou à imaginação e à desconstrução do olhar humano, substituindo-o pelo do felídeo das cidades, reduziu o ângulo de visão dos praticantes à dimensão do animal, e permitiu obter fotografias de belíssimo efeito que se passam a expor.

Ana A

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

A cartografia digital e o Google Maps.

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014 · Temas:

Já ninguém tem dúvidas que o Google Maps, e similares, são das grandes ferramentas proporcionadas por este advento da internet, acima de tudo pela possibilidade de georreferenciação  que permitem. Já aqui publicamos mapas de ventos, rotas de aviões em tempo real ou até mesmo de paisagens fotogénicas; publicamos agora dois interessantíssimos objetos de estudo, ambos com base mundial.

Florestas Landsat

O primeiro congrega a informação obtida pelo satélite Landsat  ao longo de 12 anos, foi elaborado pela Universidade de Maryland (EUA), e trata da ocupação florestal do nosso planeta. É visível a marca de 12 anos de incêndios no nosso país, que se traduzem por manchas avermelhadas, que significam um rápido declínio florestal. Não é uma situação exclusiva do nosso país,  mas é infelizmente recorrente.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Portal Ensina da RTP.

· Temas:

Foi com alguma saudade que nos revimos no Ensina, um «portal […] destinado a professores, pais e alunos. A plataforma digital de serviço público resulta de uma parceria entre a RTP e o Ministério da Educação. Por agora, já tem para descobrir 800 histórias em várias áreas.». A nossa primeira pesquisa foi obviamente com a palavra Geografia e, logo em primeiro lugar, surge a entrevista que a Equipa Lixa deu à RTP há cerca de 3 anos atrás a propósito de uma ideia vencedora do concurso nos@europe, que nos fez voar até Bruxelas. Fica a memória e a dica Ensina para abrir novos horizontes nos trabalhos escolares.

Ensina

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Afinal não chove… mas na estação meteorológica.

· Temas:

A estação meteorológica da ESL está a meter água! É verdade! A intempérie do passado dia 4 de janeiro também passou pela Lixa e consigo trouxe um inusitado granizo que, devido à sua anormal volumetria, partiu parte do copo escoador do udómetro da estação, alagando o circuito integrado deste instrumento. Desde então, não temos tido informação do ritmo e intensidade da pluviosidade na região da lixa. Estamos a tratar da reparação. Já fomos ao telhado e, não tarda muito, volta a chover na escola!

Udómetro partido da ESL

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

O vórtice polar.

sábado, 11 de janeiro de 2014 · Temas: ,

O vórtice polar é bastante conhecido dos alunos de geografia, ou pelo menos assim deveria ser. No fundo trata-se de uma das baixas pressões subpolares que no inverno do hemisfério norte, se pronunciam até latitudes mais a sul, devido à menor insolação verificada, arrastando consigo uma imensa massa de ar polar (ora continental, ora marítima, conforme a situação geográfica).

gtt

Estes vórtices, como sistemas de depressionários que são, giram de um modo turbilhonar devido ao efeito de Coriolis e são impulsionados pelo jet stream. Por consequência, proporcionam uma deslocação de ventos e massas de ar no sentido genérico de oeste para este, deslocando-se mais para sul no inverno e refugiando-se mais a norte no verão. Aliás, naquela época do ano, e devido ao confronto com a massa de ar tropical a sul, surgem as perturbações frontais que proporcionam os estados de tempo chuvosos.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Algo vai mal…

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014 · Temas: , ,

Não, não é à malfadada economia nacional que o título alude, é ao estado do clima mundial! E se ambos os problemas carecem urgentemente de ideias e soluções capazes, parece-nos no entanto que aquele último problema nos foge das mãos a cada dia, e notícia, que passa. Senão vejamos, apenas no dia de hoje, e em três diferentes partes do globo, verificaram-se três fenómenos de climáticos extremos, relatados por vários órgãos de informação:

Na Bretanha (extremo noroeste da França) e sul da Grã-Bretanha: «O estado de catástrofe natural vai ser declarado, na região francesa da Bretanha. A ponta noroeste do Hexágono foi alvo de fortes inundações, resultado das chuvas torrenciais, que assolam a região, associadas a altos coeficientes de marés […] O mau tempo que assola a Bretanha francesa atinge também a Grã-Bretanha, do outro lado do Canal da Mancha, onde dezenas de localidades estão igualmente em alerta e tomam todas as medidas contra as inundações» Euronews às 16:48h CET.

Fenómenos climáticos extremos 3 de janeiro 2014

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This