Breve história de um póster de Natal.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2018 · Temas: ,

“Natalizamos” o nosso canto dedicado ao Erasmus e lá colocamos um poster que se deve medir em tempo e não em tamanho. Sim, porque nem mesmo o seu enorme tamanho é proporcional aos longos e minuciosos minutos de tempo que nos levou a cortar a 25 folhas A3 que o compõem.

PosterNatalErasmus

Mas, e tal como conversado, o engenho das soluções como esta, concebidas sobre permanentes auto desafios, é talvez, a par da experiência cultural, aquilo que o Erasmus tem de melhor para nos oferecer. Claro está que o projeto era viável sem aquele, mas reduzir o este projeto ao segundo, de si enorme, seria abdicar da nossa essência e forma de estar. Afinal, porquê uma foto normal quando esta pode ser recortada e desalinhada, provocando a atenção e focando pormenores?

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Deixa um comentário