O que a sociedade espera de nós.

quinta-feira, 25 de abril de 2019 · Temas:

O processo de adaptação à diferença em relação à norma por parte do maior dos organismos, a sociedade, é lento. E se em certas situações, podemos considerá-lo demasiadamente lento, noutras, a absorção da novidade carece da necessária parcimónia, de modo a evitar “cóleras e lutos, que queimam os ninhos”. Contudo, e num mundo globalizado e vivido ao segundo, esta calma é cada vez mais difícil de estabelecer, e as “cóleras e lutos” imperam perante a razão.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Deixa um comentário