Tens pedal para nós?

sábado, 29 de fevereiro de 2020 · Temas: , ,


Esta provocação que te fazemos surge em jeito de apelo, por dois motivos: tu próprio e o resto do mundo, o que não é coisa pouca… Por isso, aqui pelo Umbrella, e para além das questões diretamente ligadas ao clima, tomamos a iniciativa de promover o teu uso de bicicletas a caminho da ESL, porque é bonito, bom para a saúde, a mente e o ambiente. Isto, quando se avoluma o parque de motos “achinesadas” em frente à escola, carburantes de petróleo e propulsoras daquele barulho muito macho, que debita muita pinta.



Felizmente, há quem tenha diferente noção da vida, e nós temos uma ideia! Surge pequenina, pois caminhamos devagar e adotamos muitas sugestões, mas pretendemos que cresça e, a prazo, realize o seguinte:

Como podes ver, estamos do teu lado. Se noutros países e até locais do nosso país, o uso da bicicleta é algo natural, na nossa região é visto como algo não normal. Claro que podemos arranjar uma série de desculpas para não as usar: morar longe, a pressa, a falta de vias cicláveis, os receios dos pais que enfiam os filhos quase dentro da sala, mas a maior de todas é o comodismo, o teu e o nosso. Por isso, vamos tentar olhar para esta iniciativa com esperança e ignorar os velhos do Restelo.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Agora, estão por tua conta.

domingo, 16 de fevereiro de 2020


Finalmente conseguimos mecanizar a dinâmica dos materiais do OPE passado, de modo a que os alunos deles possam usufruir. Afinal, como como alguém berrou há pouco, estes materiais são dos alunos, e devem ser geridos pelos mesmos, mas de acordo com as regras da escola. O problema é quando não há iniciativa para o fazer, discutindo ideias, criando regras e formando grupos de trabalho para a sua promoção e gestão. Por isso, arregaçamos mangas, marcamos reuniões, pedimos ideias online, e meia-dúzia de bravos avançaram com ideias. Ficamos com estas e avançamos. Afinal, já estamos quase no processo eleitoral do OPE deste ano.



Portanto, tens ao teu dispor um jogo de dardos, um conjunto de 20 pufes de jardim (para usar exclusivamente no exterior da ESL), e estamos a ultimar a instalação das colunas de som nos jardins, para poderes “meter” a tua música favorita. Acresce também um aquário que se encontra na Biblioteca da ESL, e cuja dinamização ficará para o 3º período de aulas.



Ah! Esperemos que que trates bem dos materiais, porque queremos que as tuas coisas durem e não se levem o trato que os matraquilhos e a mesa de ping-pong, cuja madeira parece até ter sido comida por alguém, têm levado!

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Sobre a dificuldade de parar e ler.

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020


Ontem, ao fim de um longo dia de aulas, uma “embaixada” de alunos da associação de estudantes do AEL quis reunir connosco. O tema que levaram rondou o uso de alguns dos materiais do OPE, para uma iniciativa que pretendem desenvolver às sextas-feiras, no refeitório da ESL, e também uma eventual candidatura ao OPE deste ano letivo. Sobre este, falaram de uma ideia, trocaram connosco impressões e questionaram se as bicicletas estacionadas na receção da ESL seriam já o prenúncio de uma candidatura aquele programa. Dissemos que não, e que se tratava de uma iniciativa do Umbrella, já em andamento há bastante.





Refletimos sobre a conversa e concluímos que nos dias atuais é difícil passar uma informação, um anúncio ou um evento. E isto, talvez por não estarmos habituados a ler, talvez por estar tão fartos de informação e estímulos, que nos fazem derivar por entre, sem lhes prestar atenção, ou talvez os dois. Afinal, sempre pensamos que os desenhos infantis que colocamos Corner Erasmus, seriam suficientes para informar minimamente quem para eles olhasse, mas não…

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Postes Inteligentes Urbanos (PIU´s).

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2020


Há cerca de duas semanas recebemos um convite para alinhar com a Alícia e a Lara, na vontade de apresentar um projeto ao OPJ concelhio de Felgueiras. Aceitamos. Partimos com um esboço, trabalhamos e afinamos ideias, e surgiram duas propostas que levamos, de modo esquizofrénico, a concurso: os Postes Inteligentes Urbanos e o Felgueiras a Rolar P´Todos! Portanto, apresentamos duas soluções etariamente transversais e adaptadas às diversas geografias humanas da região, que vão de encontro às necessidades e interesses detetadas no concelho. Aliás, aquele último aspeto foi determinante nas ideias que rabiscamos, pois não queríamos algo confinado a um espaço e ou a um grupo geracional e social. Tínhamos a ideia de algo útil a todos, e é assim que se definem os dois projetos.



Assim, se o primeiro projeto - P.I.U.´s - de cariz mais técnico, é aparentemente mais versado a camadas jovens, engane-se; é precisamente o contrário. Na verdade, quando em velocidade de cruzeiro,  será mais útil a uma faixa etária mais avançada e isolada, pela capacidade potencial de integrar, aproximar e permitir comunicar. O segundo projeto, multifacetado, será abrangente por excelência, pelas valências e potencial de crescimento que possui.




Não obstante, este OPJ conta com proponentes que não se regem apenas pela abrangência de um projeto. A idade, a sigla, a objetividade da ideia e o retorno imediato numa perspetiva pessoal, são também fatores que determinaram a aposta na primeira proposta, e o fim da esquizofrenia.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Bicicletas Umbrella.

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020 · Temas: , ,


Aí estão elas, as bicicletas novinhas em folha para rapariga e rapaz, prontas ao seu propósito, servir de exemplo e pôr o povo a pedalar! E é a pedalar que a gente se entende, senão vejamos, pedalar é bom para o ambiente; faz bem à saúde; faz-te sair da masmorra onde passas horas infinitas a olhar para a vida alheia no ecrã; faz bem à “pinha”; dá fome e sede; faz emagrecer e é económico! Portanto, há uma série de virtudes ambientais, físicas e psicológicas, que nos levam a promover o seu uso por aí, mas sobretudo no agrupamento.
 Bikes UmbrellaAssim, feita a aquisição da “ambi” e do “ente” (ela e ele), os próximos passos passam por criar uma campanha de promoção - PEDALA; uma ou várias sessões de treino e cumprimento de regras de trânsito, realizadas num pequeno circuito efémero a criar na ESL; “batismos do pedal”, com direito a bênção; concentração de “pedalantes” no final do ano letivo (mas sem casacos de couro e botas da pesada); jogos e competições, etc.! Enfim, há muitas ideias, mas o que interessa é pedalar!

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Levantamento funcional da Cidade da Lixa.

domingo, 2 de fevereiro de 2020


Fugimos ao manual, sem o esquecer, e promovemos uma das mais clássicas abordagens de Geografia Humana com os nossos alunos de Geografia A: o levantamento funcional da cidade da Lixa. E se a abordagem ao mesmo podia ser ensinada em pouco mais de uma aula, num plano abstrato, nada se equipara à significância dos mesmo quando aplicado a um caso concreto. A envolvência e compreensão direta com espaço, o sentido de pertença, e uma série enorme de reforços positivos, a começar pelo sentido de construção de algo inédito e de útil análise, transforma o entediante no interessante.



Ora, foi isso que conquistamos, com orgulho, aos nossos alunos de Geografia A. Agruparam-se em pequenos conjuntos, trabalharam numa vertente online com recurso ao Google Earth, e concretizaram, cada um levantamento funcional de um espaço pré-definido, que engloba a Cidade da Lixa e arredores. O resultado, cada mapa, fez-se acompanhar de uma notícia explicativa, onde à descrição da análise se encaixa o método tido no trabalho. 

Com os resultados, mapas e análises, faremos uma pequena exposição na receção da ESL, que de certo, e para os leigos, não deixará de surpreender. A par, pediremos um pequeno comentário sobre a mesma, num pequeno caderno de comentários.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Convocatória.

· Temas: ,


Como já referimos, o Umbrella, e o Erasmus em geral, não se reduz às vistosas e cansativas deslocações internacionais. Se assim fosse, provavelmente não estaríamos aqui a versar sobre o mesmo. Na verdade, aquilo que nos atrai neste tipo de programas (OPE e OPJ, entre outros, incluídos) é a possibilidade tomar, fazer tomar, um caminho paralelo à ditadura dos exames nacionais, que é também alternativo ao cinzentismo de um certo método de ensino.



Falamos, portanto, de ensinar a conjugar o verbo potenciar a diferentes dimensões, que passam pela escrita, a edição, o trabalho de grupo colaborativo, e em rede, sobre problemas concretos e cuja solução se materializa nos resultados. São, neste sentido, também uma bela alternativa à passividade dos lugares comuns das redes sociais e televisão, que tanto absorvem e alienam.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Um parque para bicicletas.

sábado, 1 de fevereiro de 2020


Estamos a ultimar uma das ideias Umbrella saídas das reuniões entre alunos e professores, a promoção e o bom uso de bicicletas no trajeto entre casa e escola, e no quotidiano em geral, como forma de contrariar a motorização excessiva da região envolvente à escola. Assim, para além da criação de um parque de bicicletas na ESL, faremos uma campanha promoção do seu uso perante os alunos e várias sessões de ensino e aprendizagem sobre pedalar em segurança.

 Parque Bicicletas ESL - Projeção


Concretamente sobre o parque de bicicletas, optamos por uma enorme parede situada a sul do bloco central da escola, num local amplo e não impeditivo à passagem de veículo da qualquer espécie. A sua localização teve também em conta o circuito que desenhamos para a entrada e saída, realizado a nascente do grande auditório / refeitório, não havendo circulação de bicicletas nos espaços interior do recinto escolar.

 Circuito de bicicletas - UMBRELLA

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This