A propósito do concurso das 7 Maravilhas da Terra.

sábado, 12 de novembro de 2011 · Temas:

A fundação suíça New7Wonders depois de quatro anos de trabalho e um escrutínio on-line, elegeu as sete maravilhas naturais do mundo. São elas: a Amazónia, a Baía de Halong, as Cataratas do Iguaçu, a Ilha Jeju, o parque nacional de Komodo, o rio subterrâneo Puerto Princesa e a Table Mountain, num total de 440 locais em 220 países.

No entanto, este tipo de seleções e a forma como são realizadas, apresentam muitas dúvidas e alguma polémica. Em primeiro lugar, é extremamente subjetivo definir este ou aquele lugar como o mais belo. Se perguntarmos a um brasileiro e a um norte-americano as suas opiniões, obtemos duas respostas diferentes. Em segundo, a seleção teve o alto patrocínio dos países interessados, tentando capitalizar deste modo os seus recursos naturais, capazes de impulsionar a industria turística. Por último, uma votação on-line é sempre falaciosa e nada prova.

Portugal também teve a sua dose destes concursos. Copiamos mais uma vez a fórmula estrangeira, aplicámos à nossa realidade, que não é feita daquelas grandezas, e como se esperava o resultado foi triste e em vez de unificar um país (já de si pequeno) acicatou regionalismos saloios, com autarcas a promover monumentos e “maravilhas” naturais sobre as quais simplesmente nem sabiam falar. Aliás, a ultima edição desta “fórmula”, descoberta pela nossa RTP, foi ainda mais ridícula e elegeu a maravilha gastronómica do país. Foi fantástico, passamos o verão a ouvir falar da alheira e o do caldo verde e das virtudes dos mesmos em relação aos outros concorrentes: as tripas, os pastéis de Belém, etc! Cheguei a ver o autarca de Valença do Minho a ser entrevistado e questionado em direto, e durante uns bons 5 minutos, a propósito da defesa do caldo verde em relação aos outros concorrentes! Simplesmente hilariante.

Por último, e ainda a propósito das 7 Maravilhas da Terra eleitas, fica aqui um excelente sítio de fotografia em 360º (enviado pelo Prof. Luís) que, entre outros locais, contempla as cataratas da foz do Rio Iguaçu, situadas na fronteira entre o Brasil e a Argentina.   

AirPano

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Deixa um comentário