Tarde perfeita de Outono.

domingo, 16 de outubro de 2011 · Temas:

O Sábado Diferente de ontem decorreu mais uma vez no Porto e, apesar de este ser o destino batido nestas jornadas, nem por isso se torna repetitivo. Muito pelo contrário!

DSC_6769DSC_6719DSC_6751

DSC_6616DSC_6651DSC_6661

Há sempre muita coisa para ver e usufruir ao mesmo tempo em diversos pontos da cidade. Ontem, por exemplo, “apanhamos” com a manifestação do movimento “Indignados” que decorria em plena Praça da Batalha e na qual também participamos; passamos por várias manifestações de Arte Moderna no âmbito do Festival Trama (organizado por Serralves); pudemos observar o andamento do XXV FITU (Festival Internacional de Tunas Internacionais) cujos elementos povoavam ubiquamente toda a Baixa; participamos na inauguração de várias exposições no Centro Nacional de Fotografia (as quais visitamos a par do próprio espólio fotográfico do museu), percorremos as várias feiras de artesanato que acontecem todos os sábados na zona dos clérigos; visitamos uma exposição de Arte “Ocupa”, numa antiga pensão do Porto e ficamos com imensa pena de não poder ficar para a noite pois ia acontecer o D´Bandada (uma série de 20 e tal concertos em vários cafés e bares do Porto, tudo à borla), fora os outros a decorrer no Hard Club, Casa do Chá… anunciados na imensidão de cartazes culturais, colados em tudo o que é parede. Tudo isto numa tarde perfeita de Outono onde se misturaram uma temperatura amena com a calma de um sábado à tarde.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Deixa um comentário