Breve apontamento sobre migrações.

terça-feira, 19 de outubro de 2010 · Temas: ,

A migração é o acto de sairmos de um local para habitar um outro durante um período mais ou menos longo. As migrações podem ser livres, quando alguém parte por próprio intuito, ou forçadas, quando alguém sai por razões de perseguição religiosa, étnica ou xenófoba. Quanto à duração, as migrações podem assumir um carácter temporário ou definitivo. São temporárias quando se pensa ir por um curto período de tempo para o local de acolhimento. São definitivas quando se tenciona residir definitivamente na região de acolhimento.

Como se referiu, há vários motivos que provocam as migrações. No nosso país as razões de ordem económica tem sido determinantes para que nas últimas cinco décadas se tenha verificado uma massiva migração para o litoral (litoralização) e sobretudo para as duas grandes áreas metropolitanas do país: Lisboa e Porto (bipolarização). No entanto, este processo de procura de melhores condições de vida  e  trabalho acarretou um custo elevado e difícil de saldar: um país desequilibrado e “tombado” ao mar.

- Carolina Pinto, 10ºE.

Share to Facebook Share to Twitter Email This Pin This

Deixa um comentário